Asset 57
Asset 54

Subscrição de conteúdo

Receba as novidades sobre os nossos produtos e serviços

28 Dezembro 2018

As melhores práticas de copywriting para a web

O copywriting é considerado uma arte na criação de conteúdos únicos e apelativos e tem a capacidade de comunicar, persuadir e chamar a atenção dos consumidores para a realização de uma determinada ação (clicar, comprar, reservar, partilhar, entre outras).

Esta forma de comunicar adquire uma maior importância online, onde as pessoas simplesmente não têm tempo (nem paciência) para se dedicarem à leitura integral dos conteúdos - as pessoas aborrecem-se com facilidade - e desempenha um papel fundamental para qualquer marca ou empresa. Conheça as melhores práticas de copywriting para a web e comece já a vender as suas ideias e a relatar as suas histórias online.

Aqui estão 5 boas práticas de copywriting para a web a ter em mente:

1. Conheça o público-alvo a atingir no copywriting para a web

A primeira coisa a fazer é saber para quem se está a comunicar, quem é o público-alvo a atingir no copywriting para a web e quais as suas características principais. Assim estará melhor preparado para usar palavras que a sua audiência está mais familiarizada, o que vai contribuir para o entendimento e eficácia da sua mensagem. Toda esta preparação vai permitir-lhe perceber o contexto em que se insere e, com isso, conseguirá definir o tom mais apropriado para o seu copy.

2. No copywriting para a internet utilize uma voz ativa na comunicação

Sempre que utiliza a voz ativa, o assunto em questão ganha uma nova vida e desempenha a sua própria ação. As frases tornam-se mais interessantes, diretas e poderosas e ficam mais fáceis de ser entendidas.

Por exemplo:
“Escrevemos um novo artigo que o vai ajudar a trabalhar de maneira mais inteligente e não mais difícil”  VS “O novo artigo escrito pela nossa empresa pode ajudá-lo a trabalhar de maneira mais inteligente, em vez de mais difícil”

São duas abordagens distintas para a mesma comunicação, no entanto, a primeira é mais curta, direta e mais fácil de ser lida e entendida. Ao passo que a segunda, apesar de bem construída, é mais longa e passiva.

3. Aprenda a escrever títulos poderosos e interessantes

Todo o copywriting para a web da sua comunicação é inútil se os títulos dos seus conteúdos não atraírem os seus visitantes/consumidores a clicarem e a lerem mais. Em média, 8 em cada 10 pessoas leem o copy que é usado nos títulos, mas só 2 em 10 acabam por ler a restante informação. Dessa forma, é necessário que os títulos usados na sua comunicação sejam bastante originais e interessantes para suscitarem interesse na mente de quem o está a ler.

Lembre-se sempre que todos os elementos usados num copywriting convincente devem ter apenas um único propósito: ler a próxima frase. E depois disso a frase seguinte, e assim sucessivamente, até chegar à realização de uma ação – o call-to-action que é estrategicamente colocado numa comunicação e que leva os utilizadores a interagirem com o respetivo conteúdo.

4. Trabalhe a apresentação e a estrutura do seu copy

As pessoas não leem todos os conteúdos que lhes são apresentados na internet palavra a palavra e com a máxima atenção. Em vez disso, leem na diagonal e de forma muito geral com o intuito de encontrarem o que procuram com uma maior rapidez. Ao trabalhar a apresentação e a estrutura do seu copy, estará a facilitar a vida destes leitores online.

Saiba como o poderá fazer:
✓ Utilize vários títulos e subtítulos
✓ Crie listas numeradas e com marcas
✓ Destaque as frases ou termos principais a negrito, itálico, sublinhado ou até mesmo a cores
✓ Inclua imagens, gifs, infográficos, vídeos e outros media com legendas
✓ Escreva parágrafos curtos com frases simples que expliquem apenas uma ideia
✓ Utilize hiperligações para fontes seguras e fidedignas
✓ Identifique corretamente as palavras-chave
✓ Trabalhe o copy para ser reconhecido pelos motores de busca
✓ Crie um call-to-action chamativo
✓ Use uma linguagem positiva e que conte uma história 

Por outro lado, também há erros que devem ser evitados para que o seu copywriting para a internet não seja considerado um mau copywriting.

São eles:
✓ Usar palavras desnecessárias e que não acrescentam nada
✓ Empregar jargões ou palavras pouco comuns e difíceis de ler e de pronunciar
✓ Criar grandes blocos de texto
✓ Não estruturar ou dividir o conteúdo corretamente
✓ Fazer descrições de produtos ou serviços demasiado técnicas
✓ Explanar ideias de forma demasiada abstrata ou impossível de concretizar
✓ Cometer erros ortográficos, gramaticais ou de qualquer outro tipo

5. Conte uma história no copywriting para o digital e faça-o com emoção

As palavras são extremamente poderosas e quando são usadas na narração de uma história podem ser mágicas e levar as pessoas a sonhar.

Um bom contador de histórias (storyteller) tem essa capacidade e ainda consegue introduzir mais humanidade e emoção ao relato que efetua, o que faz com que as pessoas se envolvam com o conteúdo, confiem nele e o adotem como seu. No entanto, também é de realçar que todo o copywriting para a web é inútil se não ajudar a produzir resultados para as marcas ou empresas que o estão a praticar, isto é, se não conseguir gerar leads (contactos qualificados) ou conquistar clientes.

No fundo, e como disse Andrew Davis: “Conteúdo constrói relacionamentos. Relacionamentos são baseados em confiança. Confiança gera receita.” Só assim é que se consegue construir um copywriting com autoridade e credibilidade e que faça as marcas ou empresas se destacarem e prosperarem na internet.

Está à procura de uma empresa especializada na produção de copywriting para a web? A Netgócio oferece inúmeros serviços de marketing digital e o copywriting profissional ajudará o seu negócio a destacar-se dos demais. Ligue o (+351) 253 519 421 ou envie um email para o endereço contacto@netgocio.pt e faça já o seu pedido.

Subscrição de conteúdo

Receba as novidades sobre os nossos produtos e serviços

Patrícia Cunha

CFO

No dia de celebrar as Grandes Mulheres, quisemos passar uns minutos a conhecer melhor a Mulher que lidera a nossa família. 
Ler +

João Barroso

Consultor WEB

O João é o consultor web mais experiente da empresa!
Ler +

Carla Moreira

Designer

A criação é a essência da humanidade existir. Muda o que crias para que o mundo evolua contigo.

Alina Carvalho

Gestora de vendas

A equipa comercial é a linha da frente na Netgócio e, muito mais que comerciais, temos consultores que ajudam os nossos clientes (...)
Ler +

+ informações

A Netgócio alcança estatuto de Google Partner Premier Como criar uma landing page de sucesso
Asset 57
Asset 57
Utilizamos cookies próprios e de terceiros para lhe oferecer uma melhor experiência e serviço.
Para saber que cookies usamos e como os desativar, leia a política de cookies. Ao ignorar ou fechar esta mensagem, e exceto se tiver desativado as cookies, está a concordar com o seu uso neste dispositivo.