Asset 57
Asset 54

Subscrição de conteúdo

Receba as novidades sobre os nossos produtos e serviços

21 Agosto 2020

Como funciona o remarketing: o poder e as vantagens desta estratégia

Remarketing: o poder e as vantagens desta estratégia

O remarketing parte de um pressuposto simples: raramente o consumidor faz um compra na primeira vez que entra num site. Neste sentido, é preciso lembrá-lo que o site da marca que anteriormente visitou continua disponível, pronto para o receber e com os produtos/serviços que precisa.

No artigo de hoje, vamos falar de remarketing. E porque este não é todo igual, falamos-lhe sobre os diferentes tipos, como fazer e como este funciona.

Remarketing — o que é?

O remarketing é uma estratégia que permite abordar pessoas que interagiram com um site ou app anteriormente sem realizar uma ação, como uma compra ou pedido de informação. Assim, é uma técnica com bons resultados de retorno, uma vez que só  estará a interagir com quem já conhece a sua marca.

O remarketing posiciona os anúncios no Google ou em websites parceiros, sendo que os seus principais objetivos são aumentar a notoriedade e as conversões,  incentivando os públicos-alvo a efetuarem uma compra.

Como funciona o remarketing com Google Ads

Neste ponto, já deve ter percebido as potencialidade do remarketing. Esqueça as audiências frias! Aqui estará a investir apenas em quem realmente se interessa pelos seus produtos ou serviços através de uma ferramenta poderosa, mais ainda se recorrer ao Google Ads.

Se não está a par das potencialidades do Google Ads, sugerimos que leia o artigo Google Ads: 6 vantagens de anunciar no Google.

Na prática, pode fazer remarketing através do Google Ads de duas formas: remarketing padrão (rede de display ou rede de pesquisa) ou dinâmico. Saiba as diferenças:


1. Remarketing na Rede de Display

O remarketing na rede de display ajuda os anunciantes a segmentar visitantes em diferentes websites com suporte de publicidade ao usar banners de imagens.

Por exemplo, suponhamos que tem um negócio de viagens e há um visitante no seu site que procura um pacote de viagens para a Europa. Contudo, e por alguma razão, ele decide sair da sua página sem realizar uma compra ou pedido de informação.

Nestas situações, é possível criar uma lista de remarketing, ou seja, incluí-lo na segmentação dos anúncios e, a partir daí, mostrar-lhe anúncios sobre as melhores ofertas para a Europa.

Sem o remarketing, a visita daquele utilizador seria a primeira e a última interação que ele teria com a sua marca. Com o remarketing, aquele usuário vai ver anúncios que o vão lembrar que a sua agência de viagens tem as melhores viagens para a Europa.


2. Remarketing na Rede de Pesquisa

As listas de remarketing para anúncios de pesquisa (ou Remarketing Lists for Search Ads - RLSA) são outra funcionalidade que os anunciantes têm ao seu dispor.

Este tipo de listagem permite personalizar a sua campanha de anúncios de pesquisa para pessoas que visitaram anteriormente o seu website. Dessa forma, poderá adaptar o copy do seu anúncio e o lance da palavra-chave quando os visitantes pesquisarem novamente por aquilo que a sua empresa oferece.


3. Remarketing dinâmico

O remarketing dinâmico é ainda mais personalizado que o de rede de pesquisa ou display. Com o remarketing dinâmico mostram-se apenas os anúncios que contenham o produto que a pessoa viu.

Voltando ao mesmo exemplo. Se o usuário visitou a página do produto “5 dias e 4 noites em Praga” e não efetuou a compra, é boa ideia investir numa campanha de remarketing dinâmico e mostrar-lhe anúncios que contenham essa mesma viagem.

Caso a sua empresa tenha uma aplicação móvel ou um canal de Youtube, também os pode utilizar como recurso de remarketing.

As principais vantagens do remarketing

O remarketing pode ser um forte aliado estratégico para qualquer anunciante que faz publicidade no Google. Das principais vantagens, destacam-se as seguintes:


1. Alcance imediato e segmentação adequada

Com uma campanha de remarketing, está a apresentar os seus anúncios a pessoas que já conhecem a sua marca enquanto estiverem a navegar. Pode mostrar os seus anúncios em cerca de 2 milhões de websites e apps.


2. Publicidade dirigida a públicos específicos

Existe a possibilidade de criar listas de remarketing para anunciar a públicos específicos. Vamos a um exemplo. Pode criar uma lista de usuários que adicionaram um produto ao carrinho de compras mas não finalizaram a compra.


3. Estratégia acessível

Crie campanhas de remarketing de alta performance com lances automáticos, de modo a  atingir metas específicas para a sua empresa. Os lances em tempo real calculam o lance ideal para quem visualiza o seu anúncio, ajudando a vencer o leilão de anúncios com o melhor preço possível.


4. Fácil criação de anúncios

O processo de criação de anúncios é muito intuitivo. Pode, por exemplo, produzir anúncios de texto, de vídeo ou mesmo grátis gratuitamente com a Galeria de Anúncios. Ao combiná-la com uma campanha de remarketing dinâmico, estará a criar anúncios ainda mais apelativos.


5. Relatórios estatísticos das campanhas

Obtenha relatórios detalhados sobre o desempenho das suas campanhas, o local de apresentação dos anúncios e o preço que a sua empresa está a pagar.

Como fazer remarketing?

Antes de mais, é essencial que desenvolva uma estratégia, um planejamento de como os anúncios vão aparecer nas diferentes fases do processo de compra: awareness, consideração e conversão. A seguir, é importante que crie listas, divididas segundo a ação feita no site.

Veja alguns exemplos:

Quem visitou a página mas saiu 40 segundos depois;
Quem visitou uma página de produto mas não fez qualquer ação;
Quem colocou um produto no carrinho.

A partir daí, é necessário configurar automações, definir orçamentos máximos, etc, etc. Na verdade, as campanhas de remarketing são um pouco complexas, mais ainda se não tiver experiência em desenvolvimento de campanhas de Google Ads, utilização de Google Analytics, anúncios no Facebook Ads e gerir campanhas digitais de uma forma geral. O melhor é mesmo confiar nos especialistas.

Se quiser saber como esta estratégia pode funcionar em específico para a sua empresa entre em contacto connosco. Temos mais de 20 anos de experiência em ajudar empresas a atingir o sucesso no meio digital.

+ informações

Subscrição de conteúdo

Receba as novidades sobre os nossos produtos e serviços

+ informações

5 técnicas para uma gestão de redes sociais eficiente e com resultados Os 5 erros mais comuns ao saltar para o digital
Asset 57
Asset 57
Utilizamos cookies próprios e de terceiros para lhe oferecer uma melhor experiência e serviço.
Para saber que cookies usamos e como os desativar, leia a política de cookies. Ao ignorar ou fechar esta mensagem, e exceto se tiver desativado as cookies, está a concordar com o seu uso neste dispositivo.